15 de dezembro de 2009

ESTUDOS ADICIONAIS

QUERIDOS ALUNOS, REVISEM OS CONTEÚDOS E CUIDEM AS DATAS!
ACREDITO NA CAPACIDADE DE VOCÊS!

BJ DA MARILÉIA

PLANTÃO: 19 de dezembro, às 10 horas
PROVA: 22 de dezembro, às 13h 30min

CONTEÚDOS:

- níveis de linguagem
- novo acordo ortográfico
- fonologia
- estrutura e formação de palavras
- linguagem verbal e não-verbal
- classes gramaticias: somente plurais dos adjetivos e substantivos compostos
- vocabulário e ortografia (escrita correta das palavras)
.
.
.

2 de dezembro de 2009

TADEU COMENTOU NO BLOG DA 104

.
.
.

PESSOAL, HÁ UM COMENTÁRIO DO PROFESSOR TADEU, AUTOR DO "SEM MEDO DO INTERNETÊS, NO BLOG TURMA 104, NA POSTAGEM TRABALHO AVALIATIVO DO III TRIMESTRE. DEEM UMA OLHADINHA E - SE QUISEREM - ESCREVAM PARA ELE.

BEIJO da MARILÉIA
.
.
.

26 de novembro de 2009

ATIVIDADE AVALIATIVA - III TRIMESTRE - VALOR 20


Queridos alunos, podemos fazer uma comparação entre o uso da roupa e o da lingua. Devemos nos adequar à situação em que nos encontramos: se em situação formal, oficial ou solene usamos roupa "formal", se em situação descontraída, roupa "descontraída". Ninguém vai de maiô ao shopping center nem entra na praia em dia quente com blusão ou de terno e gravata. Essas não são roupas adequadas para aqueles ambientes.
  • Escreva pequeno texto, em forma de comentário, individualmente, refletindo sobre os diferentes usos da língua e a adequação desses usos conforme o ambiente (contexto) em que é empregada. Não esqueça de citar o uso do internetês. Dê outros exemplos comparando língua e vestimenta. Para realizar esta atividade, evita o internetês e o miguxês. Teu comentário pode ser feito a partir da postagem de um colega, ou seja, tu podes escrever sobre um outro comentário.

.

Adaptado por Mariléia Marchezan de:

BISOGNIN, Tadeu Rossato. Sem medo do internetês. Porto Alegre, RS: AGE, 2009.

.
Bom trabalho, pessoal!
beijo da profe Mariléia

11 de novembro de 2009

TEMA DE REDAÇÃO

Escrever um texto dissertativo-argumentativo, em prosa, entre 15 e 25 linhas sobre o seguinte tema:

EMPATIA: A IMPORTÂNCIA DE ESTENDER O OLHAR AO OUTRO.

Ao desenvolver seu texto, selecione, organize e relacione argumentos, fatos e opiniões para defender seu ponto de vista a cerca do tema.
.
.

13 de agosto de 2009

FORUM DE DISCUSSÃO – Ativ. Avaliativa – valor: 20

Queridos alunos, esta atividade é avaliativa, e para desenvolvê-la tu deves ler com atenção os comentários abaixo, refletir sobre o assunto e postar um comentário, conforme é solicitado abaixo.

Atenção: só serão avaliados os comentários postados até o dia 10 de setembro.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@


“Uma pesquisa mostra que para os brasileiros tudo vai bem nas escolas. Mas a realidade é bem menos rósea: o sistema é medíocre.” Assim inicia uma matéria da revista Veja/2008. Nela são apontados dados estatísticos tais como:
- 90% dos professores se acham bem preparados para dar aulas
- 89% dos pais consideram receber das escolas um bom serviço em troca do que pagam
- 68% dos alunos de escola pública acreditam que estão em uma escola ótima
- 89% dos professores se dizem capazes de despertar a atenção dos alunos em aula
- 65% dos alunos dizem que suas aulas são interessantes
- 22% dos professores de ensino básico não têm diploma universitário
-60% dos estudantes terminam o ensino fundamental sem saber interpretar textos

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

A partir dessas afirmações, escreve um comentário, em linguagem formal, expondo teu ponto de vista a respeito da TUA REALIDADE ESCOLAR E DA EDUCAÇÃO NO BRASIL. Tu podes mencionar exemplos para embasar tuas opiniões.
ATENÇÃO!!!!!
Manda o teu comentário para o e-mail da turma para que eu possa analisar antes de postares aqui no blog. Coloca como assunto do e-mail a palavra FORUM.

Bom trabalho!!
beijos da professora Mariléia
.
.
.
.
.
.

9 de agosto de 2009

Pais atenciosos, filhos fora de risco.

Os pais devem, hoje em dia, ter mais atenção com a educação, e de como tratam seus filhos, pois é a partir de casa que surgem vários problemas.
Muitos pais pensam que certos comportamentos de seus filhos são características da adolescência e que alguns “transtornos” são coisas da idade.
Os pais deveriam tornar a escola mais atraente Ra os jovens e, promover debates com os seus filhos sobre o crack, a gravidez na adolescência, a preservação ambiental, a droga, entre outros, até porque com a compreensão de seus pais é muito mais fácil de manter uma boa convivência para ambos.
Em uma novela da Globo, há um caso de filho delinquente, e que os pais não se importam com as suas atitudes, e ainda pior que isso, apresentam justificativas para seus erros. E isso é um assunto muito debatido, pois acontece com muita frequência hoje em dia.
Portanto, se os pais dispensarem mais atenção a seus filhos, abrindo diálogos, sabendo com quem eles saem, sabendo para onde vão e dando conselhos sobre os riscos que há na rua, assim haverá uma convivência tranquila e harmoniosa.
Por:Lívia Ruas Meirelles de Fraga.
Tema: Relacionamento entre pais e filhos.

13 de julho de 2009

Atividade 7

Capítulo 6 do livro didático:

Página 103: ler
Página 104: ler
Página 105: ler
Página 106: ler e responder a ativ. 1
Página 107: responder as atividades 2 e 3
Página 108: ler
Página 109: ler e responder a ativ. 5
Página 110: responder as atividades 6, 7 e 8
Página 111: ler sobre Formação de Palavras e responder as atividades 9 e 11
Página 112: ler
Página 114: ler a partir de Atividades
Página 115: realizar as atividades 13(letras A e B), 15(letras: A, B e C), 16(letras A e B)
Página 116: realizar as atividades: 17(letra A), 19, 20, 21. Fazer os Exercícios Complementares: 22 e 23
Página 117: 24, 25, 26, 27 (letra A) e 28

Por enquanto é só isso, pessoal!
As atividades serão todas conferidas em aula!

Bom trabalho!!!

Um beijo em cada um!
Profe Mariléia

9 de julho de 2009

Redação: Tema: Rivalidade entre torvedores e times.

Torcer é divertir-se.

Com o mundo em constante desenvolvimento tecnológico, nos dias atuais, o futebol também acompanha esse universo cada vez mais globalizado. Porém, há algo que não muda: a torcida, apaixonada pelo esporte e em especial pelo seu time, e a forma como ela lida com esse amor.
Pode-se dizer que a essência do futebol está na arquibancada, pois são os torcedores que empurram seu time até a vitória, sofrem com as derrotas e, além disso, levam grandes marcas a investir na publicidade de ter seu slogan na camisa de uma multidão de apaixonados.Talvez o grande motivo dessa paixão seja o instinto natural do ser humano de superar o outro. Uma das grandes alegrias de torcer é poder gabar-se da vitória de seu time ou divertir-se com a derrota do rival.
Tudo isso é extremamente saudável, pois não passa de brincadeiras e motivos para risadas.Porém há pessoas que ultrapassam os limites de sociedade e civilidade, agindo violentamente em nome deste suposto amor. Essas pessoas não devem ser consideradas torcedoras, mas sim criminosas e devem responder por seus atos.
Portanto, deve-se sempre ter em mente que é saudável e divertido torcer, festejar e entristecer-se por seu time. As brincadeiras entre rivais são saudáveis e amistosas e fazem parte de uma divertida interação social. Apenas deve-se ter consciência da fronteira entre brincadeiras e agressões e, preferencialmente, manter-se longe destas. Observando este aspecto, deve-se continuar torcendo e colocando sempre a diversão em primeiro lugar.

Lucas Castro Mulazzani

Redação: Tema: Rivalidade entre times e torcedores.


Uma paixão além dos limites

No país do futebol, é muito difícil ouvir de uma pessoa que não torce por nenhum time, em compensação há pessoas apaixonadas por um clube e fazem de tudo para que todos saibam.

Cada torcedor tem seu próprio time, no Rio Grande do Sul, por exemplo, o estado se divide em gremistas e colorados, que demonstram seu amor nos estádios. Internacional e Grêmio tornam a ferro a rivalidade no clássico chamado Grenal no qual ocorrem gestos que fazem a rivalidade saudável (como ambos torcedores olharem o jogo juntos, umas “flautas” como de costume, jogadores respeitarem seus adversários, os torcedores irem para apoiar, cada time mostrar o seu bom futebol, sem passar por cima de ninguém). Porém, há rivalidades além das paixões, onde ocorrem agressões físicas e verbais, onde até mesmo os “maestros” da grande festa deixam de lado o seu futebol e parte para a agressão ou atos não futebolísticos.

Então, torcedores gaúchos, ou os demais, independente de ser colorado e gremista devem ir aos estádios para apoiar o seu clube, fazendo das vitórias e derrotas um aprendizado, mostrando que seu amor pela “paixão nacional” é superior à rivalidade.
Aluna: Lariéli Gonçalves

Redação: Tema: Relacionamento entre pais e filhos.

Grandes Valores


Os maiores bens que os pais podem deixar para seus filhos, nos dias de hoje, são aqueles transmitidos no dia-a-dia, como amor, respeito e amizade.

Muitas vezes queremos emitir um sentimento, mas não sabemos como. Para educar um filho não é preciso manual ou livros e sim amor, pois é tão bom sabermos que somos amados por alguém, principalmente se essa pessoa for nossos pais, o amor é a base de tudo o que realmente vale.

Respeito e amizade também são qualidades que o relacionamento entre pais e filhos deve ter, pois nos dá segurança, proteção e nos torna pessoas com mais caráter, faz com que consigamos adquirir confiança e admiração.

Portanto, ter uma estrutura familiar baseada em alguns valores essenciais, tanto para o bem-estar e descargo de consciência dos pais, quanto para educação e aprendizagem dos filhos é fundamental.

Giodana Abreu


5 de julho de 2009

Redação sobre o Tema: relacionamento entre pais e filhos.

  • Pessoal, como não consegui fazer parágrafo nesta droga de blog, falhei linha entre o título e a introdução e entre cada paráfrafo para vocês perceberem claramente a estrutura da Redação, mas ATENÇÃO!!! Isso não deve ser feito durante a escritura do texto na folha definitiva. Beijo da profe MARILÉIA
Título: Atitudes repensáveis mudariam convívio familiar.

Vivenciamos, atualmente, momentos que nos despertam reflexão, pois é visível a carência de um relacionamento amigável entre pais e filhos; um tema de destaque que agrava o convívio familiar, dando origem a um desequilíbrio emocional no jovem.

A família, no geral, tem por objetivo, criar seus filhos impondo limites, mas nem sempre esses são completamente seguidos, podendo comprometer a educação do adolescente que está a formar sua personalidade. Talvez, essa falta de “saber obedecer” dos filhos, seja o motivo de relações que se tornam repletas de conflitos, sendo que a própria família não define as atitudes que devem ser postas em prática, gerando a ausência de diálogo e harmonia no lar.

Nota-se que há jovens, que pela carência de afeto e conceitos básicos que construiriam um convívio harmonioso, acabam induzidos a rumos que, geralmente, comprometerão o seu amanhã, e trarão maior infelicidade no convívio com seus pais, e –futuramente- na sociedade da qual farão parte.

Portanto, é visível que o bom relacionamento entre pais e filhos pode ser repensado, e que o modo de agir de cada indivíduo refletirá na longa caminhada do adolescente, e que ser feliz não significa abandonar as responsabilidades e limites, mas empregó-las nos momentos corretos, para que a convivência nos lares não seja atingida de forma negativa, e forme cidadãos para uma vida mais humana.


Gabriella Burin Roland

10 de junho de 2009

QUAL É O TEU TAMANHO???????????



Tu reclamas de tudo? Da vida, da falta de sorte e de dinheiro, dos pais, dos filhos, do trabalho, do estudo? Depois de assistir ao vídeo, me diz de que tamanho te sentes!
Posta aqui um comentário!

E provo que, para nadar, não precisamos de braços!!! rsrsrss Vocês sabem do que estou falando!!!!

bj...

Ótimo feriaaaaaaaaaaadooooooooo

Mariléia...

7 de junho de 2009

TEMAS DE REDAÇÃO

  • Guris, aqui está uma lista de assuntos que servirão de temas para as Redações de vocês. Peço que escolham um deles, pensem e se informem sobre o assunto escolhido, analisando o contexto histórico, econômico e social, pesquisando se há dados estatísticos relacionados, etc. Levem anotações, reportagens e ideias na próxima aula para iniciarem a escritura da Redação. Lembrem-se: a Redação será escrita em aula, portanto não adianta levar rascunho ou texto pronto.

1. Gosto musical
2. Os padrões de beleza impostos pela mídia.
3. A influência da internet na vida das pessoas.
4. Rivalidade entre times e torcedores.
5. Relacionamento entre pais e filhos.

Um beijo em cada um.
Mariléia
.
.
.

INICIAÇÃO AO ESTUDO DA REDAÇÃO


Quanto à tipologia existem três tipos de texto:
- o narrativo
- o descritivo
- e o dissertativo.

Os CV (concursos vestibulares) do RS solicitam que os vestibulando escrevam DISSERTAÇÃO PURA OU REDAÇÃO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVA EM PROSA ( Que significa redigir o texto convencional, se não fosse em prosa, seria em verso, ou seja, poesia.).

1. COMO REDIGIR
Para escrever um bom texto e prender a atenção do leitor é necessário que nosso pensamento se desenvolva coerentemente e com clareza para que possamos comunicar nossas ideias de forma convincente para quem nos lê.

2. REDIGIR É DIFÍCIL
As pessoas costumam dizer que têm ideias , mas que não conseguem passá-las para o papel, sendo que uma das razões para isso é o fato de que o pensamento humano não é e nunca será absolutamente exato. Temos a capacidade de questionar e podemos repensar, refazer, reestruturar e aperfeiçoar o que pensamos, dificultando – assim – a colocação das palavras no papel. Além disso é importante lembrarmos que pensamos e falamos o tempo todo, mas pouco escrevemos, ou seja, desenvolvemos pouco a habilidade da escritura de textos. Entretanto, às vezes, temos dificuldade para redigir porque:
- não amadurecemos nossas ideias suficientemente;
- faltam informações e dados necessários para o desenvolvimento de uma redação;
- temos preguiça de pensar, ou seja, não exploramos nossa capacidade de organização mental e conhecimento.
Pensar e escrever requer prática, e ninguém jamais saberá tudo de redação. Leitura ajuda muito, pois com ela obtemos informações novas, alimentamos pensamentos e ampliamos vocabulário, mas não se aprende a escrever lendo, e é só o hábito de ler e redigir que nos dá efetivo domínio sobre nosso idioma.



Aprende-se a escrever escrevendo, e nada substitui essa prática, assim como nenhum manual ou professor pode nos ensinar a andar de bicicleta. A prática é essencial, sem ela não é possível redigir com facilidade e qualidade.

3. O PENSAMENTO E A REDAÇÃO
Ninguém pode entrar em nossa cabeça, penetrar nosso cérebro e conhecer como pensamos. Mas é possível avaliar a eficiência de nossa mente a partir do que escrevemos. Aprendemos a escrever para dar respostas às solicitações da realidade, sendo que redigir é saber expressar – de forma inteligível – as ideias que, espontaneamente, ocorram, mas - para tanto – o cérebro precisa estar constantemente alimentado com informações, e o treino é fundamental.


[...] o concurso vestibular não é um concurso literário, mas sim um momento onde há grande exigência da memória e do raciocínio, pois a agilidade mental é imprescindível para que o texto seja bem articulado e argumentado, coeso, original, criativo e adequado à proposta.
Mariléia Marchezan, 2005, in: Redação de Vestibular, Coperse, UFRGS

O QUE A UNIVERSIDADE QUER?

- VERIFICAR A CAPACIDADE DE RACIOCÍNIO E ORGANIZAÇÃO MENTAL

- ORIGINALIDADE: AUTORIA

- CRIATIVIDADE: O DIFERENTE

- ADEQUAÇÃO À PROPOSTA

- CAPACIDADE DE CONVENCER O LEITOR

- CONHECIMENTO DA L. PORTUGUESA


4. OS SUPERPODERES

INTELIGÊNCIA,

MEMÓRIA,

RACIOCÍNIO,

CRIATIVIDADE,

OUSADIA!



5. A DISSERTAÇÃO
Dissertar é expor ideias de modo organizado, com o objetivo de passar para o leitor uma análise a respeito de um tema, expondo pontos de vista. E, se o texto for argumentativo, o autor terá persuasivo, tentando convencer o leitor, usando argumentos consistentes e posicionamento claro.


6. PARA EXEMPLIFICAR



7. A ESTRUTURA


INTRODUÇÃO, DESENVOLVIMENTO E CONCLUSÃO

Introdução: suscita um problema, ou seja, estabelece uma perspectiva, um propósito a partir do qual deverão ocorrer desdobramentos. Devido a isso, deve apresentar um caráter de síntese. É onde deve constar o TEMA e a TESE de forma objetiva, geralmente em um único parágrafo.

TEMA: é o assunto a partir do qual se desenvolve o texto.


TESE: é o ponto de vista do autor, suas idéias, seu posicionamento sobre o assunto lançado no tema


Desenvolvimento: apresenta detalhamento dos aspectos relevantes, discussão, confronto, argumentação e exposição dos pontos de vista. Aqui o candidato evidencia sua habilidade ou não em articular adequadamente as informações que traz a respeito do tema; por isso, essa etapa assume um caráter de análise.

ARGUMENTOS: são as “provas”, as evidências do que se afirma na tese, a fim de que o autor convença o leitor com suas idéias.

Conclusão: apresenta o fechamento do texto, isto é, o candidato precisa concluir a redação, posicionando-se a partir da discussão que desencadeou no seu texto. A conclusão de um texto também assume o caráter de síntese, levando em conta que esta etapa precisa retomar a ideia norteadora da redação e amarrar as pontas do tema com o contexto, o autor pode reforçar as teses, trazer uma reflexão para o leitor e apontar soluções para problemas discutidos.
Professora Mariléia Marchezan












2 de junho de 2009


Jornal Em Questão - 02 de junho

.



Amigo

Um anjo na Terra
Que caminha comigo

Um sonho intenso
Que jamais será esuecido

Um companheiro
Que nunca vai me abandonar

Pois amigo,
Eu sempre vou te amar

Do lado esquerdo do peito
E dentro do coração

Porque mesmo esquecendo a razão
O que importa, é ouvir a voz do coração

Esse poema fala sobre um amigo que jamais será esquecido, um verdadeiro amigo, uma pessoa que nunca sairá do coração.

Bruna Vanessa da Silva Alves

1 de junho de 2009

ATIVIDADE 6 - EXERCÍCIOS NO LIVRO DIDÁTICO e CADERNO

PARA A PRÓXIMA SEMANA!!!
Página 174: atividades 16 e 17.
Página 176: atividade 18.
Página 178: atividades 23 e 24.
Páginas 181 e 182: questão 29.
Página 183: atividades 33, 34 e 35.
Página 184: atividade 36
Página 185: ler!
Página 186: ler!
Página 187: ler!
Escrever no caderno, de forma resumida, em um parágrafo o que é:
1. Relato
2. Narrativa, citando os elementos da narrativa.
3. Crônica, dando exemplos dos tipos existentes.
ATENÇÃO!!!
ESSAS ATIVIDADES SERÃO CONFERIDAS NA PRÓXIMA SEMANA.
Data da postagem da ATIVIDADE 6: 01/6/09
Bom trabalho!!!
Beijo da Mariléia

MOSTRA RETRATOS DE PAULO FREIRE


LÍVIA MEIRELLES - IMAGEM EXPOSTA NA MOSTRA
.

INTERNET

A internet é, na atualidade, o local onde se concentra o maior número de informações no mundo inteiro. Ela é de fácil acesso a todos, apresentando aspectos positivos e negativos. Muitas pessoas usam a internet parta trabalhos, para diversão e – muitas vezes – isso chega a viciar, tornando-se uma compulsão, isto é, uma necessidade incontrolável, urgente e repetitiva, dando prazer no momento, mas que pode levar a problemas sérios. São inúmeros os benefícios da internet: facilita serviços, a velocidade com que as pessoas acessam contam em bancos é incrível; é possível comparar preços de forma muito cômoda e rápida; divulgação de trabalhos intelectuais; pesquisas escolares feitas pelos estudantes; a construção de relacionamentos também aparecem; a rede mundial facilita a comunicação. Quanto aos aspectos negativos que - infelizmente - são diversos: na maioria das vezes eles causam transtornos muito grandes. A dependência do “sexo virtual” é um deles. As pessoas que têm esse problema encontram na internet o que não encontram na realidade. A dependência pelo jogo virtual é outro aspecto negativo que vem se apresentando de maneira muito natural, principalmente na vida dos adolescentes. O uso excessivo da internet também pode gerar problemas físicos, de visão, por exemplo, ou LER (Lesão por Esforço Repetitivo), pelo manuseio incorreto do mouse ou pela digitação muito rápida.
Acredito que os jovens deveriam diminuir o tempo de navegação para evitar danos maiores. O uso da internet para estudos é ótimo, mas devemos tomar cuidado com os pontos negativos, principalmente em sites de relacionamentos. E para quem está usando de forma correto: parabéns!

Mariana Pinheiro

20 de maio de 2009

TAREFA PARA FAZER NO LAR, DOCE LAR

CAPÍTULO 10 do Livro Didático
Pág. 162 - somente ler
Pág. 163 - ler e resumir cada tópico (no livro mesmo)
Pág. 164 - somente lerPág. 165 - somente ler
Pág. 166 - ler e responder as atividades 1, 2 e 3
Pág. 167 - somente ler
Pág. 168 - somente ler

Selecionar uma charge, atual, para levar na próxima aula.Meninos, façam as leituras e, se houver dúvida, anotem e levem na próxima aula.Darei visto nas atividades solicitadas.
Beijo.
Profe Mariléia

15 de maio de 2009

PÉROLA DE VESTIBULAR


Questão de Prova de Vestibular no RJ (Universidade Gama Filho)

Questão: “Faça uma análise sobre a importância do Vale do Paraíba.”

Resposta do candidato:“O Vale do Paraíba é de suma importância, pois, não podemos discriminar esses importantes cidadãos. Já que existem o vale-transporte e o vale do idoso, por que não existir também o Vale do Paraíba??!!! Além disso, sabemos que os Paraíba, de um modo geral, trabalham em obras ou portarias de edifícios e ganham pouco. Então, o dinheiro que entra no meio do mês é o que vale, é muito importante para ele equilibrar sua economia familiar.”
  • ALUNOS QUERIDOS, PEÇO QUE ESTUDEM, LEIAM, INFORMEM-SE PARA NÃO ESCREVEREM PÉROLAS, COMO ESSA, NAS PROVAS.
COM UM BEIJO.
MARILÉIA

12 de maio de 2009

ATIVIDADE 5

Após a leitura do texto "O Caso", da página 101 do livro didático, escreve um comentário, em linguagem fonética, expressando tua opinião sobre esse tipo de escritura.
Será que os brasileiros conseguiriam se entender caso usassem a linguagem fonética em seus textos?
Cita exemplos.
  • Vamus lá, turma!!!! kero ler, em linguajem fonética, a opinião de vocês! Umas kuatro linhas por aluno é suficienti.
  • Kumpram a tarefa e divirtam-se!!!!

beijus

Mariléia

11 de maio de 2009

Liberdade de imprensa

Imprensa são as pessoas e empresas que trabalham para informar a população sobre o que está acontecendo no mundo, no seu país, na sua cidade e até no seu bairro. Pode ser no jornal, na TV, na internet, no rádio, na revista. O problema é que governos de alguns países não querem que seja revelada toda a verdade. Então, eles proíbem que os jornalistas falem tudo o que sabem. Às vezes, eles até são presos por terem falado coisas que o governo não queria. E tem coisa pior. Muitas vezes, a verdade que o jornalista revela prejudica algumas pessoas perigosas. Elas chegam até matar esses jornalistas para que eles não contem o que sabem ou por vingança. Se alguma dessas coisas acontece em um país, a liberdade de imprensa lá não está sendo respeitada. Em 1994, uma organização chamada Unesco decidiu lembrar o mundo todos os anos sobre como a liberdade de imprensa é importante. Por isso, criou o Dia Mundial da Liberdade de Imprensa, que é comemorado em 3 de maio.
Helamã

Transplantes

O Brasil possui hoje um dos maiores programas públicos de transplantes de órgãos e tecidos do mundo. Com 548 estabelecimentos de saúde e 1.376 equipes médicas autorizadas a realizar transplantes, o Sistema Nacional de Transplantes está presente em 25 estados do país, por meio das Centrais Estaduais de Transplantes.
Para ser um doador, não é necessário fazer nenhum documento por escrito. Basta que a família esteja ciente da vontade do doador. Assim, quando for constatada a morte encefálica do paciente, uma ou mais partes do corpo que estiverem em condições de serem aproveitadas poderão ajudar a salvar as vidas de outras pessoas. Alguns órgãos podem ser doados em vida. São eles: fígado, rim, pâncreas e medula óssea.
Fonte:
  • No Brasil, o tranplante de órgãos tem sido pauta de muitas matérias jornalísticas atualmente. É importante que cada um de nós saibamos que o ato de doar um órgão pode salvar uma vida. Em um país que sofre com a precariedade da saúde, como o nosso Brasil, pode-se imaginar a agonia da espera em uma fila, a espera de um órgão que vai poder te manter vivo. Nós, como cidadãos, podemos ajudar a acabar com este sofrimento e dar uma alegria a alguém com este gesto de solidariedade que é uma doação, não só de órgãos, como também de sangue, esta ainda mais fácil, porém há ainda muita carência dela nos bancos de sangue de hospitais do Brasil. Podemos fazer sempre nossa parte, se ainda não pudermos doar, podemos conscientizar as demais pessoas de nossa família e amigos da importancia deste ato que devolve a vida a alguém.
Lucas Castro Mulazzani

INOVAÇÃO NO CAMPO

Vários produtores de arroz e de outros tipos de agricultura fazem compromisso com o meio ambiente, sendo que foram adaptados galpões em que é depositado galões de óleo diesel que depois serão coletados por uma empresa. Foram também feitas rampas para a lavagem de tratores com escoamento da água para tanques que separam a água do óleo para outro tanque que é coletado novamente também. Essas fazendas receberam uma placa do governo em sua propriedade.
Yago Vieira

A EPIDEMIA DE CRACK

  • O crack é uma droga ilegal derivada da planta de coca, é feita do que sobra do refinamento da merla, que é sobra do refinamento da cocaína, ou da pasta não refinada misturada ao bicarbonato de sódio e água. Foi criada por soldados americanos em meados do ano de 1966, para tentar diminuir o movimento dos Panteras Negras ( em inglês Black Panters Party).
    O bicarbonato de sódio faz com que a mistura tenha um baixo
    ponto de fusão (passagem de sólido para líquido) e ebulição (uma forma de passagem de líquido para gasoso), tornando possível a queima da droga com o auxílio de cinzas, que são colocadas no cachimbo junto ao crack.
    O uso de cocaína por via
    intravenosa foi quase extinto no Brasil, pois foi substituído pelo crack, que provoca efeito semelhante e é tão potente quanto a cocaína injetada. A forma de uso do crack também favoreceu sua disseminação, já que não necessita de seringa - basta um cachimbo improvisado.
    O crack eleva a temperatura corporal, podendo levar o usuário a ter um
    acidente vascular cerebral. A droga também causa destruição de neurônios e provoca no dependente a degeneração dos músculos do corpo (Rabdomiólise), o que dá aquela aparência esquelética ao indivíduo: ossos da face salientes, braços e pernas ficam finos e costelas aparentes. Normalmente um usuário de crack, após algum tempo de uso utiliza a droga apenas para fugir da sensação de desconforto causado pela abstinência e outros desconfortos comuns à outras drogas estimulantes: depressão, ansiedade e agressividade.
    O uso do crack - e sua potente dependêcia - em muitos casos leva o usuário a prática de pequenos crimes para a compra da droga. Estudos relacionam a entrada do crack como droga circulante em São Paulo com o aumento da criminalidade praticada por jovens, como pequenos furtos e o aumento da prostituição juvenil, com o fim de financiar o vício. Na periferia de São Paulo, jovens prostitutas viciadas em crack são o nicho de maior crescimento da AIDS no Brasil.
    O efeito social do uso do crack é o mais devastador entre as drogas normalmente encontradas no Brasil. O viciado em crack se torna gradativamente completamente dependente da droga, e a prática de pequenos crimes normalmente começa em casa, com o furto de objetos e eletrodomésticos para a compra da droga. O viciado em crack dificilmente consegue manter uma rotina de trabalho ou escola diário, passando a viver basicamente em busca da droga, não medindo esforços para consegui-la.
    O Rio Grande do Sul foi assolado por uma epidemia de crack, a droga que escraviza em segundos, zomba das esperanças de recuperação, corrói famílias, mata mais do que qualquer outra e afunda os dependentes na degradação moral e no crime.
    Segundo dados do jornal Zero Hora do Rio Grande do Sul, há 50 mil dependentes no estado. O Secretário estadual da Saúde, Osmar Terra disse - ”Temos uma epidemia!”. O Estado iniciou um projeto-piloto de prevenção e tratamento, em parceria com o Ministério da Saúde, que deve ser estendido a outras regiões.
    O crack é a droga mais agressiva, seu poder de vício é alto e ainda é a mais barata. As pedras custam até R$ 2,50, menos que uma cerveja. Para a biblioteca eletrônica de revistas científicas em saúde pública a SCIELO Saúde Publica, na publicação do volume 36 número 4m o ator de estímulo ao uso de drogas está associado a fatores externos. “O estudo revela que a identificação de uma seqüência de drogas parece estar mais associada a fatores externos (pressões de grupo, influência do tráfico etc.) do que à preferência do usuário.
    Foram identificadas duas progressões diferentes: entre os mais jovens (=30 anos), cuja a escalada começou com o cigarro e/ou álcool e passou pela maconha e cocaína aspirada até o uso de crack; e os mais velhos (>30 anos), que iniciaram o uso de drogas pelo cigarro e/ou álcool, seguido de maconha, medicamentos endovenosos, cocaína aspirada, cocaína endovenosa e, por fim, crack.”
    O Ministério da Saúde adverte para uma possível epidemia de crack no Brasil. Temo que já tenha chegado na nossa região.
    A explosão do uso do crack em Alegrete preocupa o Ministério Público. Nas últimas semanas, a Brigada Militar tem feito uma média de duas prisões em flagrante pelo uso da droga. A estatística mostra uma pequena parte do que vem ocorrendo, afirma o promotor de Justiça Rodrigo de Oliveira Vieira. Ele observa que o crack começou a ser consumido com mais intensidade a partir de setembro de 2007 em Alegrete. Nas últimas semanas, o Promotor de Justiça vem se reunindo com o Judiciário, Conselho Tutelar, Brigada Militar e Polícia Civil do Município com o objetivo de traçar metas de curto, médio e longo prazo para combater a droga. Dentre ações concretas de combate ao uso do crack estão previstas batidas em locais onde a droga circula. As ações contarão com a participação de a Brigada Militar, Polícia Civil e Conselho Tutelar e do promotor Vieira. “Teremos uma atuação mais intensa em casas noturnas, bares e locais de aglomerações de jovens visando inibir não somente a venda e o uso de drogas, mas também a venda de bebidas alcoólicas a adolescentes” informa Vieira.
  • As lições dos Estados Unidos
    A epidemia do crack
    Em um dia de 1989, na hora do pico, 149 trens do sistema de metrô de Nova York param de funcionar. O motivo é o mesmo que hoje submetem gaúchos a freqüentes apagões: o furto de fios de cobre para financiar a compra de crack. Como o Rio Grande do Sul de agora, os Estados Unidos de então estavam atolados em uma epidemia da pedra. Apenas em Nova York, havia 12 mil pontos de venda. O índice de homicídios chegava a 2,2 mil por ano, mais de quatro vezes o atual. Na capital do país, Washington, o uso era tão disseminado que até o prefeito, Marion Barry, foi flagrada fumando crack e acabou preso. O quadro de desorientação e medo durou de 1984 a 1990, período definido pelas autoridades como de epidemia. A pedra se disseminou e gerou uma avalanche de assaltos, assassinatos e guerras entre traficantes. Então, repentinamente, os crimes despencaram para o patamar de 40 anos antes. Entender o que aconteceu nos Estados Unidos pode oferecer lições preciosas aos gaúchos. ”- Conseguimos pôr um fim à epidemia reforçando leis antidrogas e prevenção. Essas são as chaves do nosso sucesso. Mas demoramos demais para fazer o que era preciso. Espero que o Brasil não repita nosso erro – “disse, em entrevista a Zero Hora, Robert Bonner, que comandou a Drug Enforcement Administration (DEA), agência antidrogas norte-americana, de 1990 a 1994, período de declínio da epidemia.

algumas informações foram retiradas dos sites:

www.bengochea.com.br/detnotic.php?idc=2459 - 23k

www.novacriminologia.com.br/artigos/leiamais/default.asp?id=2440 - 35k -

Gabriel Blaskesi

Dicas de Saúde

  • Sabe-se que a diminuição do consumo de gorduras em pessoas reduz em 30% o risco de doenças cardíacas. Comparada às causas de morte em todas as idades, a parada cardíaca é mais letal do que o câncer, a malária e a tuberculose. Em números absolutos, os acidentes de trânsito, as armas de fogo e os atropelamentos matam menos do que as doenças do coração. Na maioria das “mortes naturais”, indica-se a parada cardíaca como causa do falecimento. Na verdade, sozinho, raramente o coração é culpado da morte, mas sim a degeneração geral dos órgãos, minados pela ação do tempo.
  • O cuidado com o coração deve interessar principalmente a pessoas com idade entre quarenta e cinqüenta e oito anos. Estatisticamente, esta é a fase mais vulnerável da vida. Diz o ditado que “a vida começa aos quarenta”. Infelizmente, para muitas pessoas, a época marca o início dos problemas coronários. O organismo humano desenvolve uma teia de vasos sanguíneos auxiliares que entram em operação assim que uma veia coronária se entope. Porém, este recurso desenvolve-se plenamente somente após os cinqüenta anos, razão pela qual, em pessoas jovens, os ataques cardíacos costumam ser fulminantes.
Alimentação natural:
Quanto mais natural a alimentação, melhor. Esta é a conclusão da maioria dos cientistas, nutricionistas, médicos e pesquisadores honestos, que não deixam de apontar a relação cristalina existente entre a dieta moderna e as doenças terríveis que assolam a humanidade.
MARIANA MEDEIROS

TRANSPLANTES E DOAÇÃO DE ÓRGÃOS

  • O QUE É TRANSPLANTE?
    Transplante é um procedimento cirúrgico que consiste na troca de um órgão (coração, rim, pulmão e outros) de um paciente doente (Receptor) por outro órgão normal de alguém que morreu (Doador).
    Os transplantes são realizados, somente, quando outras terapias já não dão mais resultados. Para alguns, portanto, é o único tratamento possível que possibilite continuar vivendo.
  • O QUE É DOAÇÃO DE ORGÃOS E TECIDOS?
    A doação de órgãos é um ato pelo qual pessoas manifestam sua vontade de que, a partir do momento de sua morte, uma ou mais partes do seu corpo, em condições de serem aproveitadas para transplante, possam ajudar outras pessoas.
  • QUEM PODE SER DOADOR DE ÓRGÃOS E TECIDOS?
    Cerca de 1% de todas as pessoas que morrem são doadores em potencial. Entretanto, a doação tem certas circunstâncias especiais que permitem a preservação do corpo para o adequado aproveitamento dos órgãos para doação.
    É possível também a doação entre vivos no caso de órgãos duplos. É possível a doação entre parentes de órgãos como o rim, por exemplo. No caso do fígado, também é possível o transplante entre vivos. Neste caso apenas uma parte do Fígado do doador é transplantado para o receptor. Este tipo de transplante é possível por causa da particular qualidade do Fígado de se regenerar, voltando ao tamanho normal em dois ou três mês es. No caso da doação entre vivos, é necessária uma autorização especial e diferente do caso de doador cadáver.
    Não existe limite de idade para a doação de córneas. Para os demais órgãos, a idade e história médica são consideradas.

  • QUANDO PODEMOS DOAR?
    A doação de órgãos como Rim e parte do Fígado pode ser feita em vida.
    Mas em geral nos tornamos doadores quando ocorre a Morte Encefalica. Tipicamente são pessoas que sofreram um acidente que provocou um dano na cabeça (acidente com carro, moto, quedas, etc).
  • COMO FUNCIONA O SISTEMA DE CAPTAÇÃO DE ÓRGÃOS?
    Se existe um doador em potencial (vítima de acidente com traumatismo craniano, derrame cerebral, etc..) a função vital dos órgãos deve ser mantida pelo hospital. É realizado o diagnóstico de morte encefálica e a Central de Transplantes é notificada. A Central localiza e entra em entendimento com a família do doador e pede o seu consentimento mesmo que a pessoa tenha manifestado em vida o desejo de doar. Após isso, o doador é submetido a uma bateria de exames para verificar se não possui doenças que possam comprometer o tranplante (hepatite, AIDS, etc.,,) Com tudo OK, a Central de Transplantes faz um cruzamento de compatibilidade com os pacientes em lista de espera, identifica um receptor e aciona as equipes de captação e de transplante.
  • QUEM SÃO OS BENEFICIADOS COM OS TRANSPLANTES?
    Atualmente milhares de pessoas, inclusive crianças, contraem doenças cujo único tratamento é a implantação de um órgão novo. A espera por um doador, que às vezes não aparece, é angustiante. A lista de candidatos a um transplante de pulmão, por exemplo, é renovada a cada ano porque, simplesmente, a maioria dos candidatos morre sem conseguir um doador.
  • QUEM FAZ TRANSPLANTE NO BRASIL?
    Segundo o Ministério da Saúde, existe no Brasil cerca de 117 instituições cadastradas para realizar transplante de órgãos: Rim (111), Medula óssea (13), Fígado (6), Coração (9) e Pulmão (3). Deste total, 40 estão localizados na Região Sul (PR, SC, RS) dos quais, 20 são Hospitais do Rio Grande do Sul.
    NOME: FABRÍCIO

VIOLÊNCIA


Hoje em dia a violência está presente cada vez mais, agressões a professores, alunos, idosos, jovens e brigas entre ganges.
Não existe apenas agressão física, mas também psicológica , verbal, sexual e negligência.
- Violência Física
A violência física é o uso da força com o objectivo de ferir, deixando ou não marcas evidentes. São comuns, murros, agressões com diversos objetos e queimaduras. A violência física pode ser agravada quando o agressor está sob o efeito do álcool, ou quando possui uma Embriaguez Patológica ou um Transtorno Explosivo.
- Violência Psicológica
A violência psicológica ou agressão emocional, tão ou mais prejudicial que a física, é caracterizada pela rejeição, depreciação, discriminação, humilhação, desrespeito e punições exageradas. É uma violência que não deixa marcas corporais visíveis, mas emocionalmente provoca cicatrizes para toda a vida. Existem várias formas de violência psicológica, como a mobilização emocional da vítima para satisfazer a necessidade de atenção, carinho e de importância, ou como a agressão dissimulada, em que o agressor tenta fazer com que a vítima se sinta inferior, dependente e culpada.
A atitude de oposição e aversão também é um caso de violência psicológica, em que o agressor toma certas atitudes com o intuito de provocar ou menosprezar a vítima. As ameaças de mortes também são um caso de violência psicológica.
- Violência verbal
A violência verbal não é uma forma de violência psicológica. Ela normalmente é utilizada para importunar e incomodar a vida das outras pessoas. Pode ser feita através do silêncio, que muitas vezes é muito mais violento que os métodos utilizados habitualmente, como as ofensas morais (insultos), depreciações e os questionários infindáveis.
- Violência sexual
Violência na qual o agressor abusa do poder que tem sobre a vítima para obter gratificação sexual, sem o seu consentimento, sendo induzida ou obrigada a práticas sexuais com ou sem violência física. A violência sexual acaba por englobar o medo, a vergonha e a culpa sentidos pela vítima, mesmo naquelas que acabam por denunciar o agressor, por essa razão, a ocorrência destes crimes tende a ser ocultada.
- Negligência
A negligência é o ato de omissão do responsável pela criança/idoso/outra (pessoa dependente de outrem) em proporcionar as necessidades básicas, necessárias para a sua sobrevivência, para o seu desenvolvimento. Os danos causados pela negligência podem ser permanentes e graves.
  • A violência entre crianças pode ser evitada com a conversa de pais com filhos ensinando ética a eles, pois quando crescerem ensinarão seus descendentes para criar uma sociedade melhor e pacífica.
    Emilio Tubino

Aquecimento Global

O aquecimento global provocado pelo efeito estufa está causando progressivas mudanças no clima tornando-se o mais grave problema ambiental causado pela humanidade. Temos hoje recursos tecnológicos para diminuir as emissões dos gases do efeito estufa, mas não se pode acabar com isso só com aparelhos, temos que fazer algo também. O urso polar corre risco de extinção devido ao aquecimento global. No Ártico o ritmo do aquecimento é duas vezes maior, tornando as placas de gelo a cada ano menores e mais distantes umas das outras forçando os ursos nadarem distâncias cada vez maiores. Estudos do IPCC afirmam que entre 20% e 30% das espécies estão ameaçadas de extinção neste século caso a temperatura média do planeta aumente entre 2ºC e 3ºC com relação a 1990. O aquecimento Global tem consequências terríveis como:
-Crescimento do nível dos oceanos: com o aumento da temperatura no mundo, está em curso o derretimento das calotas polares. Ao aumentar o nível da águas dos oceanos, podem ocorrer, futuramente, a submersão de muitas cidades litorâneas;
-Crescimento e surgimento de desertos: o aumento da temperatura provoca a morte de várias espécies animais e vegetais, desequilibrando vários ecossistemas. Somado ao desmatamento que vem ocorrendo, principalmente em florestas de países tropicais (Brasil, países africanos), a tendência é aumentar cada vez mais as regiões desérticas do planeta Terra;
-Aumento de furacões, tufões e ciclones: o aumento da temperatura faz com que ocorra maior evaporação das águas dos oceanos, potencializando estes tipos de catástrofes climáticas;
-Ondas de calor: regiões de temperaturas amenas têm sofrido com as ondas de calor. No verão europeu, por exemplo, tem se verificado uma intensa onda de calor, provocando até mesmo mortes de idosos e crianças.
Cainã Guedes

CLÁSSICO É CLÁSSICO

No futebol, as cores são um mero detalhe. O que importa é o sentimento de quem as contém. Cada um ama seu time da sua forma, do seu jeito. Cada um tem a sua maneira de torcer, de seguir, de acompanhar. Cada clube grande tem sua tradição, seus títulos, seus craques e seus milhões de fanáticos. Milhares de novos torcedores surgem a cada segundo. Isso tudo devido à grande tradição dos principais clubes de futebol mundial. Muitas são as rivalidades do futebol. Mas uma disputa especial está no topo do ranking dos principais clássicos do Planeta Terra. Quando o vermelho e branco pisa no gramado seguido pelo azul, preto e branco, o RS para e parte do Brasil para também, literalmente. Nos campos da Região Sul do Brasil é como se não existisse tempo. Não há classe social, racial, nem nada, que separe as duas maiores paixões do povo gaúcho. O Internacional e o Grêmio. O Colorado e o Tricolor. O Clube do Povo e o Imortal. O saci e o mosqueteiro. Nomes, apelidos, flauta, deboches, emoção, títulos. Mas acima de tudo respeito. Assim deve ser o futebol, assim devem ser todas as rivalidades.
VIVA A RIVALIDADE, PAZ NO FUTEBOL!
Por: Miguel Zinelli

TALASSEMIA


O que é ?
É uma doença do sangue de natureza hereditária.Também denominada de Anemia do mediterrâneo por ser mais comum em pessoas desta região descendentes de italiano, gregos, asiáticos e africanos.Trata-se de um grupo de enfermidades genéticas do sangue que afeta a capacidade da pessoa de produzir hemoglobina.Hemoglobina é uma proteína que existe em nossas hemácias que transporta oxigênio para todas as partes do corpo.
Em geral as talassemias podem ser divididas em dois tipos principais: ALFA talassemia e BETA talassemia. Dentro de cada tipo existe três classificações: talassemia minor ou traço thalassemico, talassemia intermédia e talassemia major que é uma doença. Uma pessoa com a talassemia minor ou traço talassêmico não apresentam nenhum problema de saúde, exceto uma possível pequena anemia que não corrige com o uso de ferro.A forma intermédia apresenta alterações que precisam ser acompanhadas regularmente por médico. A talassemia major é uma doença séria que exige constantes transfusões de sangue e cuidados médios intensivos.
A talassemia alfa e beta,são assim chamadas de acordo com a porção da hemoglobina, não sintetizada e ausente nos glóbulos dos pacientes.
Como é uma doença hereditária já nascemos com ela, quando uma criança nasce com talassemia major, longo no primeiro ano de idade terá os seguintes sintomas: palidez, desânimo, falta de apetite e hipodesenvolvimento.Com o tempo tornam-se ictérico(a pele e a esclerótica ocular tornam-se amarelos).A persistência leva a um aumento do baço, fígado e coração.Os problemas cardíacos e as infecções são as causas mais comum de morte entre crianças com talassemia major. A forma intermédia ou menor apresentam os mesmos sintomas mas de força moderada a quase nenhum.
Pessoas portadoras da talassemia minor não possui nenhum tipo de problema, as vezes podem existir anemias levando a leve cansaço.
A suspeita de traço talassêmico deve ser considerada nos indivíduos tratados para anemia por deficiência de ferro. Estes indivíduos não são mais susceptíveis a infecções que os indivíduos normais e não apresentam qualquer outra complicação associada.
Existe um exame para diagnosticar a talassemia?
Existe é um estudo do sangue do paciente e de seus familiares. A hemoglobina passa por estudo morfológico das hemácias e pela realização de Eletroforese de hemoglobina qualitativo e quantitativo com determinação de Hb fetal e A2 e dosagem de ferro e ferritina.Existem também testes durante a gravidez para ver se o feto possui talassemia ou não.
O que fazer para tratá-la ?
Os pacientes que possuem talassemia major só sobrevivem com transfusões frequentes de sangue. Esta terapêutica é denominada hipertransfusão e é fundamental para o crescimento normal de crianças, uma melhor qualidade de vida e previne os problemas cardíacos e defeitos nos ossos. Geralmente essas transfusões ocorrem de 3 a 4 semanas, mas infelizmente com essas transfusões levam a um acúmulo de ferro no organismo o chamado hemossiderose, causando danos ao coração, fígado e outros órgãos. O uso do medicamento “ quelador ” diminui mas não completamente as complicações do acúmulo de ferro.
Pode-se prevenir a talassemia ?
A enfermidade só pode ser prevenida hoje através do aconselhamento genético pré-natal de casais portadores desta doença.Indivíduos que têm casos de talassemia na família ou descendência européia com casos de anemia crônica devem procurar um médico em centros especializados para realizar o estudar genético e planejamento familiar.
Há algo que eu possa fazer para evitar transmitir a talassemia para meu filho ?
Não, quando ambos os pais são portadores do traço talassêmico, há sempre uma chance que seu filho herde a doença. Não há nada que os pais possam fazer, nenhum tipo de medicamento ou dieta que afete o processo natural aleatório de herança genética.
O aconselhamento genético e o controle da natalidade são as únicos métodos eficazes para prevenção.
O que podemos esperar sobre a talassemia no futuro ?
Basicamente estão sendo feitos estudos para saber: desenvolvimento de medicamentos mais eficazes que retirem o ferro e que possam ser administrado por via oral; técnicas genéticas poderão no futuro levar a inserção de gene que produza a cadeia beta da globina suprindo a deficiência de produção existente nestes pacientes; desenvolvimento de medicamentos que voltem a estimular a produção de hemoglobina fetal, forma de hemoglobina que produzimos quando em estado embrionário e até poucos meses de vida e que poderiam uma vez produzidas novamente suprir a falta da hemoglobina normal; melhores métodos de transplantes que evitem as complicações e possam ser entendido a um maior numero de pacientes.
Como para mim esta doença era desconhecida acho que para algumas pessoas também seja, então achei muito interessante escrever sobre ela. Como vimos, esta doença é hereditária, então não há o que fazer para evitá-la, por isso é muito importante fazer todos os tipos de exames para vermos se estamos bem, e também é muito importante as mães fazerem exames durante a gravidez para saberem se seu filho será ou não portador da doença.
LETÍCIA OLIVEIRA

GRIPE SUÍNA

A gripe A (H1N1), gripe suína ou gripe porcina é uma doença infectocontagiosa ocasionada por uma variante do vírus influenza H1N1. Apesar do nome, não é transmitida somente pelos porcos, por isso, discute-se a mudança do nome para não ocasionar erros.Também denominada gripe mexicana, gripe norte-americana, influenza norte-americana ou nova gripe. A transmissão tem ocorrido entre humanos (pessoa-pessoa). O consumo de carne de porco não acarreta doença, uma vez que o vírus é inativado pelo calor. Esta afecção está sendo considerada epidêmica no México, onde o governo já anunciou várias mortes confirmadas causadas pelo H1N1 e foram anunciados 152 casos de morte suspeitos, levando a Organização Mundial da Saúde a declarar que a doença é uma "emergência na saúde pública internacional" com grandes chances de tornar-se uma pandemia.
Sintomas:
Assim como a gripe humana comum, a gripe suína apresenta os sintomas: febre, cansaço, fadiga, dores pelo corpo, tosse e ainda sintomas característicos como diarreia ou vômitos
Vacina:
Existe uma vacina para os porcos, porém ainda não se descobriu uma que possa ser utilizada pelos humanos.A vacina destinada à prevenção da "gripe convencional" oferece pouca ou nenhuma proteção contra o vírus H1N1. O Japão anunciou que pretende desenvolver uma vacina eficaz.Também os EUA estão já a investigar formas de tratamento, mas poderá levar alguns meses até se achar uma vacina apropriada para a doença.Embora para o ano, em Portugal, com as vacinas de Prevenção contra a gripe (que é tomada por volta de Outubro) já terá doses da vacina contra esta doença.
Gabriel Pinheiro

GRIPE SUÍNA

A gripe suína é uma doença respiratória de porcos causada por um vírus influenza tipo A que causa regularmente crises de gripe em porcos. Ocasionalmente, o vírus vence a barreira entre espécies e afeta humanos. O vírus da gripe suína clássico foi isolado pela primeira vez num porco em 1930.
Como todos os vírus de gripe, os suínos também mudam constantemente. Os porcos podem ser infectados por vírus de gripe aviária e humana. Quando todos contaminam o mesmo porco, pode haver mistura genética e novos vírus que são uma mistura de suíno, humano e aviário podem aparecer. No momento, há quatro classes principais de vírus de gripe suína do tipo A são H1N1, H1N2, H3N2 e H3N1.

Como os seres humanos pegam gripe suína
Normalmente, esses vírus não infectam humanos. Entretanto, vez por outra, mutações no vírus permitem que eles contaminem pessoas. Na maioria das vezes, os contágios acontecem quando há contato direto de humanos com porcos. Mas também já houve casos em que, após a transmissão inicial do porco para o homem, a partir dali o vírus passou a circular de pessoa para pessoa. Foi o caso de uma série de casos ocorridas em Wisconsin, EUA, em 1988. Nesses casos, a transmissão ocorre como a gripe tradicional, pela tosse ou pelo espirro de pessoas infectadas.
Consumir carne de porco pode causar gripe suína?
Não. Ao cozinhar a carne de porco a 70 graus Celsius, os vírus da gripe são completamente destruídos, impedindo qualquer contaminação.
Os principais focos da doença,no momento estão entre o México e Estados Unidos Sintomas : Febre,letargia,falta de apetite,tosse
O que fazer para evitar o contágio?
- Cubra seu nariz e boca com um lenço quando tossir ou espirrar. Jogue no lixo o lenço após o uso.
- Lave suas mãos constantemente com água e sabão, especialmente depois de tossir ou espirrar. Produtos à base de álcool para limpar as mãos também são efetivos.
- Evite tocar seus olhos, nariz ou boca. Os germes se espalham deste modo.
- Evite contato próximo com pessoas doentes.
- Se você ficar doente, fique em casa e limite o contato com outros, para evitar infectá-los.
CARLOS ALBERTO

GRIPE SUÍNA

Elevar para cinco o nível de alerta, significa que todo cuidado é pouco, pois não se trata de uma gripe qualquer. É um vírus ainda desconhecido que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, precisa ser combatido antes que crie uma pandemia, uma epidemia de alcance mundial, como já aconteceu com outras gripes mortais. E uma das formas de combate é o controle do ''vai e vem'' de pessoas para as áreas infectadas. Em toda a Europa, as autoridades reforçaram a vigilância sanitária nos portos e aeroportos. A ordem é checar passageiros, principalmente vindos do México e dos Estados Unidos.
O que é a gripe suína?
É uma doença respiratória que atinge porcos causada pelo vírus influenza tipo A, que tem diversas variantes. Algumas das mais conhecidas são a H1N1, a H2N2 e a H3N2.
O atual surto, que teve início na América do Norte, é provocado por uma versão mutante do vírus H1N1 capaz de infectar humanos e se propagar de pessoa para pessoa.
Quais são os sintomas?
Os sintomas são febre superior a 39ºC, tosse, dor de cabeça intensa, dores musculares e nas articulações, irritação dos olhos e fluxo nasal.
Que medidas posso tomar para evitar a infecção?
Evite contato com pessoas que parecem não estar bem e que tenham febre e tosse.
Medidas comuns para se evitar infecções e de higiene manual podem ajudar a reduzir a transmissão de viroses, incluindo a gripe suína em humanos.
Estas medidas podem ser simples como cobrir a boca e o nariz quando tossindo ou espirrando, usar um lenço de papel quando possível e jogando-o fora logo após o uso.
É importante também lavar as mãos frequentemente com água e sabão para evitar que o vírus se propague de suas mãos para a face ou para outra pessoa. Outra providência é limpar a maçaneta de portas com frequência, usando produtos normais de limpeza.
Ao cuidar de uma pessoa gripada, o uso de máscara cobrindo o nariz e a boca diminui o risco de transmissão.
Não há evidência de que a gripe suína pode ser transmitida ao se comer carne de animais infectados.
A gripe
Embora já existam remédios que parecem ser eficazes contra o vírus, especialistas querem saber a razão de algumas pessoas ficarem gravemente doentes enquanto outras apresentam apenas sintomas mais leves de gripe.
O vírus parece já ter começado a se espalhar pelo mundo, e muitos especialistas acreditam que a sua contenção, numa era de viagens aéreas fáceis, deverá ser muito difícil.

A Organização Mundial da Saúde fez um alerta para que os países se preparem para enfrentar o pior, uma epidemia generalizada. Já são sete os países com registros da gripe suína. A Organização Mundial da Saúde disse que todos os governos devem se preparar para uma pandemia, que é quando a doença se espalha rapidamente.
Até agora o México é o único país que registrou mortes, são mais de 150. A OMS já confirmou em laboratório 79 casos pelo mundo, mas há uma notícia promissora: estima-se que os primeiros lotes da vacina contra a gripe suína fiquem prontos em até seis meses.
A doença, que já causou mortes no México, chegou aos vizinhos Canadá e Estados Unidos e atravessou o Atlântico. A Espanha já confirmou um caso da doença.
Vendo essas notícias nos jornais, às vezes por mais que elas estejam longe, nós viramos as costas para elas, como se isso não chegasse até nós, a gripe suína não é só uma gripe como outra qualquer, muitas vezes nós não damos bola, mas temos que nos proteger antes mais cedo do que tarde, pois a gripe está se espalhando muito rapidamente. O Brasil já está tomando medidas para barrar a gripe suína no Brasil, a Anvisa vai fazer uma reunião em São Paulo com a Infraero e as companhias aéreas. O objetivo é discutir uma estratégia para reforçar o repasse de informações para quem entra e para quem sai do país.

Aluno (a): Nathália Barrios

GRIPE SUÍNA

  • A gripe suína é uma doença causada por uma variante do Vírus H1N1. O vírus pode ser transmitido através de contato com animais e objetos contaminados. Uma nova variante do vírus pode ser transmitida entre humanos e é considerada epidêmica no México. O governo mexicano anunciou 149 mortes confirmadas causadas pelo H1N1 e 1600 casos suspeitos o que levou a organização mundial da saúde a declarar que a doença é uma "emergência na saúde pública internacional", e tem grandes chances de se tornar uma pandemia. Os primeiros casos de gripe suína começou no México com 150 mortos.
    A forma de contágio se dá como a mesma forma de uma gripe comum, por via aérea, com contato direto ou indireto, ou seja, pelas mãos,ou por objetos contaminados. Não haverá contaminação por ingerir a carne do porco.
Sintomas: assim como a gripe humana comum, a suína apresenta os sintomas: febre, cansaço, fadiga, dores pelo corpo e tosse. Existe vacina para os porcos, porém ainda não se descobriu uma que possa ser utilizada pelos humanos.
Tratamento: de acordo com a OMS, o medicamento está em testes, e está motrando efeito contra o vírus H1N1.
.......................................................................Felipe Macedo da Silva

24 de abril de 2009

NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA.










  • imagens de madeira ecológica, incluindo o deck e a casa.



    Embora muitas pessoas pensem ser brincadeira, a reciclagem está aparecendo em muitas novidades, já surgiram camisetas de malha PET, asfaltos para estrada produzidos com borracha de pneus etc. A indústria da reciclagem está crescendo junto com a conscientização da sociedade que ajuda, separando cada vez mais seus detritos, percebendo que nem tudo que é detrito é lixo.







  • A reutilização das garrafas PET é a mais visível, segundo os dados de um senso, 53,5% do material, foi reciclado em indústrias no Brasil, transformaram-se em produtos têxteis, resinas químicas e novas embalagens. O Brasil só perde para o Japão na porcentagem de PET reciclado, isso sem contar na reciclagem artesanal. O uso da borracha de pneus velhos no asfalto e no concreto dá maior aderência e absorção de impacto, eles também podem passar por processos químicos, gerando óleos e gases usados em combustíveis e outros produtos.
    O Rio Grande do Sul foi palco do desenvolvimento da tecnologia que transforma sacola plástica em madeira. Cerca de 200 sacolas plásticas retiradas de lixão, transforma-se em uma barra de dois metros de comprimento da chamada madeira ecológica. O projeto foi iniciado em 2002 por um aluno da FEEVALE, hoje, este projeto é responsável por livrar a natureza de 9 toneladas de sacolas plásticas todos os meses. Esses resíduos são transformados em uma massa homogênea que depois de processada ganha forma em perfis de variadas dimensões para aplicações diversas como móveis, bancos de praça, floreiras, estruturas para construções que necessitem de materiais resistentes e duráveis. A durabilidade desse material ultrapassa os 50 anos. Hoje a madeira ecológica é desenvolvida por uma empresa fabricante de sacolas plásticas, ela usa as sobras da produção como matéria prima.







  • Separando corretamente o lixo, muito mais poderá ser aproveitado, cooperativas podem se organizar e achar um melhor e mais novo aproveitamento, gerando mais emprego e maior qualidade de vida para humanos e natureza.



Gabriela Bairros

.

A_B_O_R_T_O

No Brasil o aborto é considerado crime, exceto em duas situações: de estupro e quando a gestante corre risco. A proposta de um Anteprojeto de Lei, que está tramitando (sendo analisada) no Congresso Nacional, alterando o Código Penal, inclui uma terceira possibilidade quando da constatação de anomalias fetais. Esta situação já vem sendo considerada pela Justiça brasileira.
Desde 1993, foram concedidos mais de 350 alvarás para realização de aborto em crianças mal formadas. Os juízes inicialmente solicitavam que o médico fornecesse um atestado com o diagnóstico da má formação, além de outros três laudos para confirmação, um outro laudo psiquiátrico sobre o risco potencial da continuidade da gestação e um para cirurgia.
Ao longo deste período estas exigências foram sendo amenizadas. Em algumas solicitações os juízes não aceitaram a justificativa, e não concederam o alvará tendo em vista a falta de amparo legal para a medida. Em 2000 um advogado entrou com uma solicitação para impedir uma autorização de aborto de bebê anencéfalo no Rio de Janeiro e seu pedido foi atendido.
Este tema tem sido discutido de inúmeras maneiras, variando desde a sua condenação até a sua liberação inclusive descaracterizando-o como aborto, mas denominando o procedimento de antecipação terapêutica de parto. A nova redação proposta para Código Penal altera todos os três itens, é a seguinte: Exclusão de ilicitude (proibido por lei). Art.128. Não constitui crime o aborto praticado por médicos se:
I - não há nenhum outro meio de salvar a vida ou preservar a saúde da gestante;
II - a gravidez resulta da violação da liberdade sexual, ou do emprego não concedido de técnica de reprodução assistida;
III – há fundada probabilidade, de o recém-nascido apresentar graves e irreversíveis anomalias físicas ou mentais.
1º parágrafo. Nos casos dos itens II e III e da segunda parte do item I, o aborto deve ser precedido de consentimento da gestante, ou quando menor incapaz ou impossibilitada de consentir, de seu representante legal, do marido ou de seu companheiro;
2º parágrafo. No caso do item III, o aborto depende, também, da não oposição justificada do marido ou companheiro.
Notícias recentes:
O caso da menina de 9 anos que sofreu um aborto no Recife, ganhou destaque na imprensa internacional.O padrasto da menina foi preso, suspeito de ter abusado da garota e ser pai dos bebês que ela esperava. De acordo com a polícia, a menina sofria violência sexual desde os 6 anos.Por determinação do Ministério Público, a menina e sua mãe serão levadas para um abrigo, onde ficarão sob proteção.
Lívia Ruas Meirelles de Fraga

21 de abril de 2009

ATIVIDADE 4

LER A ÚLTIMA POSTAGEM DO MEU BLOG E ESCREVER COMENTÁRIO.
ESTA ATIVIDADE PODE SER REALIZADA NÃO SÓ PELOS ALUNOS QUE ESTIVERAM NA EXPOSIÇÃO "CORPO HUMANO - REAL E FASCINANTE", MAS POR TODOS AQUELES QUE LERAM OS TEXTOS E IMAGENS POSTADAS NO MEU BLOG.
ABRAÇO!
ÓTIMO RETORNO ÀS AULAS!
E BONS COMENTÁRIOS!
PROFESSORA MARILÉIA

A ÁGUA

  • É um dos elementos de maior importância para todas as formas de vida na terra. Ela está presente em todos os organismos vivos, fazendo parte de uma infinidade de substâncias e órgãos. Alem disso, transporta diversos compostos nutritivos dentro do solo, ajuda a controlar a temperatura de nossa atmosfera e apresenta uma série de funções de extremo valor.
    Três quartos da superfície terrestre são cobertos por oceanos. De toda água do planeta apenas 1% é constituída pelas águas superficiais, as dos rios, lagos, lagoas e as subterrâneas, que são chamados lençóis freáticos.
    Na natureza a água nunca se encontra em estado totalmente puro. Isso ocorre porque ela possui enorme capacidade de dissolver outras substâncias, principalmente sais minerais, gases e matéria orgânica. Existe três tipos de água na natureza: DOCE, SALOBRA (que apresenta elevado índice de sais) e SALGADA, encontrada nos mares e oceanos. A água própria para beber, não pode conter sais em grandes quantidades, mas sim em níveis ideais.
    Na alimentação, além de imprescindível, a água exige cuidados especiais. A sua prévia purificação para prevenção bacteriológica deve ser rigorosa, para que se removam tanto as substâncias nocivas a saúde como os micro-organismos patogênicos.
  • DESPERDÍCIO OUTRO GRAVE PROBLEMA
    O desperdício residencial é o campeão. No Brasil, o desperdício de água chega a 70%.
    Nas residências temos até 78 % do consumo de água sendo gasto no banheiro. Tudo isto pode mudar com simples mudanças de hábitos.
    Em média, o homem tem aproximadamente 47 litros de água em seu corpo. Diariamente, ele deve repor cerca de 2 litros e meio. Todo o nosso corpo depende da água, por isso, é preciso haver equilíbrio entre a água que perdemos e a água que repomos. Quando o corpo perde líquido, aumenta a concentração de sódio que se encontra dissolvido na água. Ao perceber esse aumento, o cérebro coordena a produção de hormônios que provocam a sede. Se não beber água, o ser humano entra em processo de desidratação e pode morrer de sede em cerca de dois dias.
    EVITE O DESPERDÍCIO:
    - Ao lavar as mãos, feche a torneira na hora de ensaboá-las;
  • - Para escovar os dentes ou fazer a barba, faça o mesmo. Só volte a abrir a torneira na hora de enxaguar;
    - Os vasos sanitários podem consumir até 40% da água de uso doméstico. Racionalize o uso da descarga;
    - Regule periodicamente a válvula de descarga;
  • - Nunca jogue papel, pontas de cigarros ou lixo dentro do vaso, pois podem causar entupimentos.
  • - Os banhos demorados consomem 37% da água de uso doméstico. Quando estiver se ensaboando, faça-o com o chuveiro fechado. Não deixe o chuveiro ligado à toa.
    - Se for indispensável o uso da mangueira, utilize sempre um esguicho (tipo bico). Assim, quando você não a estiver utilizando, o fluxo de água é interrompido;
  • - Evitar lavar as calçadas, garagens e carros várias vezes por semana, assim como irrigar os jardins;
    - Não use o jato da água para varrer o chão. Use a vassoura;
  • - Na hora de lavar o automóvel, troque a mangueira pelo balde de água.
    LEMBRE-SE:
    “A defesa da vida depende da integração e esforço de todos, através da mudança de nosso comportamento e solucionando nossos problemas, só assim teremos uma melhor qualidade de vida para as presentes e futuras gerações.”
    Aluna: Adriana Castro Fortes